Ford investe quase mil milhões em inteligência artificial para carros autónomos

21/02/2017

Depois da Tesla ou da Volvo é a vez da Ford disponibilizar uma avultada quantia de dinheiro para desenvolver inteligência artificial em carros autónomos. 
 
A empresa fundada por Henry Ford investe 940 milhões numa empresa criada por antigos trabalhadores da Uber e da empresa Google. 

É certo que o futuro dos carros passa pela condução autónoma ou semiautónoma e o investimento na empresa Argo AI é feito com o objetivo de até 2021 ter carros autónomos da Ford. 

“Não é preciso condutor” é o mote da Ford para fazer acontecer o sonho. 

Bryan Salesky, ex-Google na equipa de condução automática e Peter Rander, que atuava na área autónoma da Uber são os homens que estão a dar a cara pela empresa e a desenvolver esta investigação. 

O diretor executivo da Ford, Mark Fields, referiu em comunicado que “Acreditamos que investir na Argo AI fortalece a liderança da Ford no lançamento de veículos sem condutor no mercado a curto prazo e permite criar tecnologia que pode ser vendida no futuro”. Acrescenta que “o veículo que estamos a desenvolver vai funcionar sem volante, acelerador ou travão, dentro de áreas geográficas pré-definidas, como parte de um serviço de partilha de viagens.” 

A empresa contratada é autónoma no seu trabalho mas articula-se como subsidiária neste projeto tecnológico de criar inteligência artificial que possa ser utilizada pela Ford e licenciada ainda a outros fabricantes. A Ford tem ainda alguns dos seus engenheiros a debruçarem-se neste projeto. 

Já a Argo AI estima que possa ultrapassar os 200 funcionários até ao final deste ano em virtude deste projeto. 

Bryan Salesky, o ex-Google responsável até ao ano passado pelo desenvolvimento da tecnologia de carros autónomos da Google afirmou que “Acreditamos que esta parceria vai permitir que carros sem condutor sejam comercializados e desenvolvidos em massa de uma forma que é acessível a todos.” 

A Ford conta atualmente com apenas dois veículos autónomos com licença para circular na Califórnia, precisamente o estado onde a circulação destes veículos é ilegal. São já 22 os fabricantes com autorização para testar esta tecnologia nas estradas daquele estado. 

Para já, estes dois modelos da Ford não ultrapassaram mais de 949 quilómetros nas estradas, em 2016.

Para além do desenvolvimento da inteligência artificial, a Ford quer ainda apostar na tecnologia de radar, mapas 3D e sensores de câmara. 

O slogan da empresa – Go Further parece querer reavivar o sucesso que a Ford teve em 1913 com o desenvolvimento da linha de montagem de Henry Ford. 

País: Internacional Distrito: N/A Concelho: N/A Fregusia: N/A

MERCADO

  • Viver e Trabalhar em Londres Viver e Trabalhar em Londres A cidade de Londres é uma megametrópole que atrai pessoas de todo o mundo.
  • Norsolutions Norsolutions Impressão Digital - Melhor qualidade ao melhor preço.
  • Tanoeiro Tanoeiro Restaurante Comida Tradicional em Vila Nova de Famalicão
  • 5ss 5ss Serviços prestados na área do ambiente e segurança no trabalho.
  • SOPRO SOPRO A Sopro é uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento.
  • EAC EAC Electricidade, Ar Condicionado, Ventilação, Refrigeração
  • Restaurante Antonio Restaurante Antonio A melhor comida regional do norte de Portugal.
  • Agricultec Agricultec Importação e comercialização de Equipamentos de Ordenha.